Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2018

Banda Capa Preta lança Nada Que Não Possa Piorar

Banda Capa Preta lança Nada Que Não Possa Piorar 

A Demo ainda traz a Formação com Luiz Augusto Lange Mineiro no vocal Alyssom Gazzana na Bateria, Daniel Dosso na Guitarra, e Anderson Severo Tchaina no Baixo.

 Exatamente após 30 dias de ensaios os Capa Pretorianos invadiram o Studio Enterprise em Caxias do Sul.

 O EP conta com cinco músicas, com a pós produção de Samuka Schiavo e a produção executiva e artística por Alyssom Gazzana Batera da Banda.


 A banda mostra nesse EP Composições do Baixista Tchaina, uma composição em inglês do Mineiro e 2 resgates da Banda Blood Stock antiga banda do Gazzana e também a galera resolveu mostrar uma versão de Fátima do Aborto Elétrico.

A distribuição online e física é o segundo projeto do selo Sub_discos Distro.



   As faixas dessa produção são:
 1-Anarquia e Expurgo
 2-Evil Queen
 3-Fatima (Versão)
 4-3000 Mil Milhas para o Inferno
 5-O Nome dela é Luxuria

 Nada que Não Possa Piorar novo EP é disponibilizado nas principais plataformas digitais:

 A p…

Geração Final Retorno ao Mundo Desumano

Geração Final Retorno ao Mundo DesumanoA Banda Geração Final foi formada no início dos anos 90, teve diversas formações e até chegou a ficar um período parada. 
Agora a banda está de volta com uma nova formação com a intenção de lutar pelos verdadeiros ideais e atitudes do movimento punk.

Usando a música como forma de protesto contra tudo que acreditam estar errado neste mundo desleal, desumano, um sistema fracassado e corrupto.

Geração final toca punk/hardcore e as influências da banda são a realidade vividas no cotidiano tais como: guerras, capitalismo, desigualdades, agressão, repressão policial, militarismo, sexismo machismo, forças armadas, a sociedade, o nazismo, facismo, todo e qualquer tipo de preconceito.
Atualmente a banda conta com:Fabio Milesi (Xaxo) Guitarra, Gean Rizzi (Cabelo)   Batera Marciano Bondam Vocais  e Marcos Tironi   Baixo. 
Com a nova formação se estabilizando, o retorno aos palcos a composição novas músicas.

A banda optou por relançar seu primeiro trabalho Mundo D…

Resenha - Carnaval Underground 2018

Resenha - Carnaval Underground 2018

Não sei ao certo mas no dia 10/02/18, devo ter entrado em uma cápsula do tempo e fui parar direto nos festivais Underground dos anos 90.


As semelhanças são muitas começando pela localização descentralizada e periférica onde ocorreu o evento. Sabe aqueles lugares que se sente bem vindo e em casa é isso mesmo éra como estar de volta aos anos 90 e em casa.

O evento contou com a sonorização, iluminação e apoio de palco por conta do Marcio Klein e Araceli Klein, que garantiu a excelência sonora para público e também para retorno de palco para as bandas.

O Evento foi organizado pela V.T.C Produções com Apoio da Sub_Discos Label Distro na parte da divulgação.

Mas chega de encheção de linguiça e vamos falar do evento.

Não começou pontualmente às 16:59, conforme anúncios em cartazes e mídias sociais bom pra bandas e para o público que começou a chegar em torno de 18h das tarde.
Com a ausência da banda Drº Danyll que não pode estar presente no evento por motivos nã…

Projeto "Sexta Aberta Ordovás" Corre e te inscreve Logo!

A seleção de projetos será feita por uma comissão composta por três representantes do Centro de Cultura, um da Unidade de Dança e Música e outro da Unidade de Teatro. A avaliação de mérito dos projetos concorrentes obedecerá critérios como clareza e coerência, manifestações artísticas diferenciadas, ênfase em produções autorais e qualidade artística. A comissão de seleção buscará projetos com estilos artísticos diferentes a fim de garantir a diversidade artística ao longo do ano.
Projeto "Sexta Aberta Ordovás" Corre e te inscreve Logo! Ótima oportunidade pra ti que tem banda e se queixa que não tem lugar pra tocar, se liga que as inscrições vão até dia 19/02/18.

Artistas profissionais e amadores que tenham interesse em participar do projeto “Sexta Aberta Ordovás” já podem se inscrever gratuitamente, através do site do Centro de Cultura Ordovás, para submeter os trabalhos à seleção.


O Centro de Cultura Ordovás está com inscrições abertas para ocupação artística do espaço. O …

Banda NED's Possível Passagem pelo Sul

A Ned´s é uma banda de vários gênero, fazendo uma lavagem na sonoridade atual, é formada em 2008 com os integrantes de duas bandas da cena local de Fortaleza que decidiram se unir e fazer uma simbiose do som que faziam na época.


As bandas que oscilavam de estilos punk, grunge, new metal e o que der na teia, desenvolveram um som mais alternativo com letras mais intensas e harmonias distintas do que se via na cidade naquele momento.

O nome da banda surgiu de um dos personagens do filme número 23 de Joel Schumacher esse  NED (Neurótico e Destruidor) o que chamou a atenção do vocalista Fábio Macieira, que mostrou o nome para os demais integrantes que gostaram de imediato, e decidiram ali o nome que usariam.

Tocando pelo cenário underground de Fortaleza e Região Metropolitana conseguiram atingir a massa alternativa, garantindo assim um espaço para mostrar seu trabalho.

Suas influências musicais são A Perfect Circle, Tool, Chevelle, Deftones, Silverchair, Queens of the stone age, Nirvana e…

Exclusão Social “A banda simplesmente punk"

Exclusão Social “A banda simplesmente punk de Caxias do Sul  lança seu EP.” O álbum foi gravado no estúdio Retrola, em Caxias do Sul /RS, e conta com a produção do Vini Lazzari.  A banda Exclusão Social, que está em atividade há 20 anos. Antes de mais nada, vamos situar: A Exclusão  é uma banda remanescente do movimento punk que estava presente nos meados dos anos 90 e neste período todos os seus integrantes estiveram totalmente comprometidos com o movimento punk, até os dias de hoje, conseguindo se manter na ativa até hoje. Assim, não é difícil concluir que uma banda que se chama Exclusão Social, não esteja fazendo um som tranquilo e sem emoção, dada as origens remotas do punk e suas influências a se intitulam e denominam o seu som como “Simplesmente Punk”. Gordo Punk (vocais), Dadau (guitarra), Tchaina (baixo), e Dé (bateria e Backing Vocals) conseguiram imprimir identidade própria a cada uma das sete faixas de “Exclusão Social- Simplesmente Punk”, o que faz da sua audição uma experiê…

Polenta Podre 6ª Edição - Porão do Kaos 24/02/18

Diretamente dos anos 90 onde a repressão, o desemprego, a falta de esperança era semelhante ao momento em que passamos agora. É hora de somar. Anarquistas, chegou a hora. Abaixo link do evento. Polenta Podre 6ª

Um dos festivais mais , Hardcore, Raiz da serra Gaúcha, volta  cena na sua 6ª Edição. São poucos os festivais que rolam por ai  perduram tanto tempo, falando categoricamente de festivais com bandas punk.
Não bastando ser evento consistente a sexta edição apresenta bandas cascudas dos anos 90, bandas com vivência na cena punk, mostrando pra quem quiser que os punks não morrem e o movimento continua firme e as bandas ou estão retornando ou  nunca pararam. Vai ser o verdadeiro caos sonoro, reunindo bandas como:
Desgracera HC  HARDCORE PROTESTO E DE CONTESTAÇÃO. A DESGRACERA começou em 2015. Sempre com o intuito de protestar. Banda anarquista. Depois de algumas mudanças hoje conta com Fabiano Karlos Medeiros  (Buda) vocal, Jonathan na bateria Adriana baixo e back vocal Eduardo na  guitarr…